sexta-feira, 10 de maio de 2013

The Lament Configuration apresenta: Jugando con la Muerte (1982)





Também conhecido como Target Eagle, Hit Man ou Playing With Death (dependendo do país e do estado de embriaguez de quem desenha o poster) é um filme do realizador catalão José Antonio de la Loma (no seu currículo constam um filme do comediante italiano Totò e algo chamado El magnífico Tony Carrera (1968), que poderá, ou não, ser a inspiração para o nome artístico de um cantor português). Target Eagle conta no seu elenco com George Peppard, o jovem escritor de Breakfast at Tiffany´s, ou John Hannibal Smith da série The A-Team, como preferirem - e Max Von Sydow, cujo carreira é tão extensa que basta dizer que jogou xadrez com a Morte num filme de Bergman, exorcizou os Sétima Legião do corpo da pequena Linda Blair e, ultimamente, tem dividido com Christopher Lee os papéis de velho sábio e barbudo (os maus ficam para Lee, os bons ficam para Sydow e o lobby gay do teatro inglês leva os que restam). Não é necessário acrescentar que é o ponto mais baixo da carreira de ambos, apesar de Peppard ter outros deslizes quase tão maus.
Bom, mas quanto a Target Eagle, trata-se de um filme de acção que inclui muitas cenas de pára-quedismo e aviação com motor, trocas de tiros e pouca coerência. De acordo com a sinopse, um polícia espanhol contrata um mercenário para se infiltrar num gangue de traficantes de heroína. Depois da infiltração, e alguma humidade, o mercenário - que tem uma tatuagem de uma águia e, por isso, tem o nome de código de Eagle (aparentemente não se trata de uma referência benfiquista) - descobre uma conspiração muito mais grave que a questão do tráfico de droga. Como a sinopse não conta mais e eu já não me lembro (por que será?) ficamos por aqui.