terça-feira, 11 de junho de 2013

Hugh Laurie é o segundo aniversariante do dia













"Celebrity is absolutely preposterous. Entertainment seems to be inflating. It used to be the punctuation to your life, a film or a novel or a play, a way of celebrating a good week or month. Now it feels as if it's all punctuation. The people I admire are those blokes in Fair Isle sweaters with pencils behind their ears who knew how to design mechanical things better than anybody else in the world", Hugh Laurie.

Hugh "House" Laurie nasceu em 11 de Junho de 1959, em Inglaterra, e hoje comemora (se estiver com paciência para celebrações, isso é lá com ele...) os 54 anos. A sua irrepreensível pronúncia do inglês em versão americanizada induziu em erro o realizador Bryan Singer, produtor da série House M.D. que, depois do casting, teve a certeza que Laurie se enquadrava dentro do género de intérprete que desejava para o papel, um "carismático actor norte-americano". Foi, provavelmente, graças a esse erro que Laurie deixou de ser, nos Estados Unidos, um tipo que tinha entrado num filme em que adoptava um rato (ou, para os mais atentos à TV britânica, um comediante inglês) para passar a ser visto como o mais genial e antipático médico do pequeno ecrã. Se este acontecimento foi positivo para o actor em 2004, ano da estreia de House M.D., as repercussões, após oito longas (e desnecessárias) temporadas, ainda estão para ser conhecidas. James Hugh Calum Laurie nasceu em Oxford, mas é licenciado em Antropologia pela universidade rival da alma mater da sua terra natal, Cambridge, na qual até integrou a equipa de remo. O actor fez a sua estreia em televisão como autor e protagonista de Alfresco, em parceria com Stephen Fry, mas foi devido à sua participação na série de culto Blackadder que se tornou mais célebre. Laurie entrou em dois episódios da segunda temporada da produção da BBC protagonizada por Rowan Atkinson, no pequeno papel de Ludwig, um príncipe alemão, em 1986. Na temporada que se seguiu, Blackadder the Third (1987), Laurie já quase dividiu o protagonismo com Atkinson, na pele de George, príncipe de Gales, inspirado na figura real do rei inglês George IV, o qual entrou para a História como um monarca fútil e irresponsável. Na quarta e última temporada de Blackadder (1989), ambientada durante a Grande Guerra, surgiu no papel do tenente Colhurst. Em 1987, quando fazia sucesso em Blackadder, voltou a colaborar com Stephen Fry na série de humor A Bit of Fry and Laurie, que durou até 1995. Actualmente está envolvido em três projectos, dois dos quais apenas para dar a voz a personagens, e o terceiro, Tomorrowland, é um filme de ficção científica protagonizado por George Clooney.

Miguel Ângelo Ribeiro